Viver - Saúde

Ansiedade e a perda de peso: estão relacionados?

7 de Outubro de 2021

Existem muitas razões pelas quais se perde peso sem ter mudado a dieta ou qualquer outro hábito. Algumas dessas razões podem ser a origem de uma doença, um metabolismo rápido ou alguns problemas graves. Outras razões que parecem interferir no emagrecimento são o estresse e a ansiedade.

Ansiedade e suas consequências 

De acordo com a Associação americana de psicologia, ansiedade é um estado emocional caracterizado por sentimentos de tensão, medo, inquietação e preocupação, além de apresentar mudanças físicas e aumento da pressão arterial. Geralmente apresentam pensamentos intrusivos recorrentes com tendência a evitar certas situações que possam preocupa-las. Além do mais, alguns sintomas físicos também são aparentes tais como suor excessivo, tremores, tonturas, taquicardia, dor no peito e agitação.

No entanto, é importante distinguir a origem da ansiedade, se é realmente um transtorno de ansiedade - que pode criar medo contínuo e pode ser opressor; ou ansiedade que pode ser derivada do estresse causado pela escola, trabalho ou outras atividades - esse pode ser um impulso de energia, podendo até ajudar na concentração. 

Quando se trata de um transtorno de ansiedade, a condição do paciente pode piorar com o tempo. No entanto, existem diferentes tipos de transtornos de ansiedade. Eles incluem:

  • Fobias: medo intenso de algo que representa pouco ou nenhum perigo real.
  • Transtorno de ansiedade generalizada: refere-se a pessoas que podem se preocupar por pelo menos 6 meses com saúde, família, dinheiro ou trabalho, sendo preocupações excessivas, ao vivenciá-las todos os dias. 
  • Transtorno de pânico: refere-se a ataques repentinos e momentos repetidos de medo sem realmente representar um perigo. Pessoas com transtorno do pânico sofrem constantemente de ataques de pânico. 

Agora, conhecendo as principais causas da ansiedade, pode-se responder às perguntas abaixo: 

A ansiedade pode provocar perda de peso? 

Como muitas doenças, a ansiedade pode realmente causar perda de peso. A maioria dos sintomas de ansiedade, como o estresse, são de natureza fisiológica e refletem a ativação dos sistemas nervosos simpático e parassimpático. A ansiedade é, em si, a resposta fisiológica à ativação do sistema nervoso e pode causar sintomas de hiperexcitação, como atividade 

digestiva, construção de vasos sanguíneos periféricos, aumento da frequência cardíaca, entre outros. Isso se deve ao fato de que o sinal que o organismo recebe é a fuga de algo que ameaça a integridade da pessoa. 

Dito isso, podemos entender o motivo da perda de peso do paciente. Porém, vendo essa condição um pouco mais a fundo, podemos levar em consideração o seguinte: 

Para responder ao estresse gerado pela ansiedade, o corpo bloqueia o funcionamento metabólico, o que faz com que o combustível seja queimado rapidamente. Quanto mais energia estiver perdendo, mais energia o corpo precisará, mas se não receber energia

suficiente por meio dos alimentos, ele tentará obtê-la através dos estoques de gordura do corpo. 

O aumento do nervosismo durante os períodos de ansiedade causam dificuldades para descansar e relaxar. À medida que a fadiga se torna constante e muito mais energia é necessária para a mobilização, o que faz com que o corpo use ainda mais do que encontra nos alimentos, causando mais perda de peso e outros danos estomacais e digestivos devido à tensão que está aumentando. 

A perda de peso gerada pela ansiedade costuma ser estranha e inofensiva em alguns casos, uma vez que o corpo consegue manter um peso adequado para se sustentar. Mas, caso este não seja o caso, deve ser resolvido rapidamente. 

Como tratar a doença? 

É importante que, caso sinta algum dos sintomas mencionados acima, consulte um especialista, pois os transtornos de ansiedade devem ser tratados o mais rápido possível. 

No entanto, algumas dicas podem ser seguidas antes e durante o tratamento com o especialista, tais como: 

  • Mantenha um contato claro com o momento presente e questione a veracidade dos pensamentos que estão causando medo e levando à ansiedade. ● Faça pelo menos 3 a 5 respirações de forma consciente (trazendo à consciência a forma de entrar e sair do ar em nosso corpo) sem tentar modificá-lo, apenas observando. 
  • Faça uma lista de preocupações, medos e questões pendentes e, em seguida, coloque-os juntos para dar a eles um momento de resolução. 
  • Faça um plano de ação. 
  • Compartilhe essa experiência com alguém. 
  • Faça uma meditação sobre a conexão com o meio ambiente: feche os olhos, tome consciência da conexão que se tem primeiro com as pessoas mais próximas, depois com os amigos, colegas e vizinhos, depois com o bairro, cidade, país e, finalmente, com o mundo. Envie energias positivas a todos. Já foi comprovado que enviar energias positivas experimenta sensações de amplitude, plenitude e alegria.

Artigo publicado com garantias médicas, em colaboração com grupo científico do doctoranytime

Referências: 

Weight loss - unintentional. (2020). Medline Plus. 

Anxiety disorders - Symptoms and causes. (2018, May 4). Mayo Clinic. 

Anxiety. (2019). Medline Plus. https://medlineplus.gov/anxiety.html 

American Psychological Association website

Comentários
Assista ao vídeo
cture-in-picture" allowfullscreen>