Informes -

Editor de vídeo: Saiba mais sobre uma das profissões mais requisitadas do momento

24 de Agosto de 2021

 

Profissionais que atuam na área da tecnologia são cada vez mais requisitados e esse mercado funciona em um fluxo diferente dos outros setores da economia.

Se na indústria, no varejo e em outros setores já se tornou comum ouvir sobre o desemprego, quem trabalha com tecnologia e com o mercado digital vive uma realidade muito diferente, podendo até escolher onde, como e quando trabalhar.

Claro que, para isso, é necessário mais do que escolher uma área em que haja demanda. É importantíssimo ser bom no que faz, afinal, o mercado digital está repleto de amadores e iniciantes e, nesse estágio, há muita concorrência, para trabalhar muito e não ganhar tanto assim.

Com o passar do tempo, conforme a experiência vai se consolidando e o profissional vai se tornando mais habilidoso no que faz, é natural que sua demanda aumente e a concorrência deixe de ser um problema, possibilitando, inclusive, que ele aumente o valor da sua hora de trabalho ou o preço final dos seus projetos.

Para abordar, de forma mais específica, uma dessas profissões que permitem desenvolvimento autônomo, com bons rendimentos, flexibilidade de horário e grandes possibilidades de crescimento, falaremos sobre os profissionais de edição de vídeos, que estão sendo cada vez mais requisitados e melhor remunerados.

 

Conheça a profissão e saiba se vale a pena se especializar no assunto:

O que faz um editor de vídeo?

O editor de vídeo é quem faz

o tratamento de luz e som, para que tanto o áudio quanto o visual alcancem sua melhor versão.

Além disso, o editor realiza cortes, montagens, inclui trilha sonora, legendas e efeitos de imagem e som, com domínio sobre as principais ferramentas de edição existentes no mercado.

 

Vale dizer que, atualmente, já existem ferramentas muito intuitivas, como o editor de vídeo online Clipchamp, que facilita muito o trabalho de edição, permitindo que edições simples e complexas sejam realizadas com apenas alguns cliques.

Apesar disso, o trabalho dos editores continua sendo muito demandado, até porque, mesmo que a ferramenta seja simples de usar, demanda algum tempo para realizar as tarefas de edição.

Além das ações realizadas através de ferramentas, o editor pode, ou não, participar da gravação dos vídeos, dando sugestões e orientações sobre os equipamentos para gravação, a necessidade de refazer algum tipo de cena ou mudança de ambiente, ajustando o melhor posicionamento em relação à iluminação, entre outras coisas que afetem o resultado final do vídeo.

Como se tornar um profissional de edição?

Quem deseja aprender a editar vídeos pode começar com cursos gratuitos de edição, que ensinam o básico sobre como utilizar as ferramentas mais populares e conhecidas do mercado.

Além disso, existem inúmeros tutoriais no Youtube que dão o passo a passo para realizar cada tipo de edição.

Logicamente, para se tornar um profissional, não basta assistir e colocar alguns tutoriais em prática, mas esse é um bom começo para começar a desenvolver experiência nas edições mais básicas (e mais importantes), como correção de luz, cortes, inclusão de legendas e de trilha sonora.

Após editar vários vídeos como teste e desenvolver domínio e habilidade sobre as ferramentas de edição, já é possível começar a realizar pequenos jobs, mas lembre-se de não propor nada além daquilo que já tem certeza que pode executar.

Uma boa forma de começar é oferecer serviços para canais que estão começando no Youtube, explicando que você também está começando, que precisa criar um portfólio e, por isso, aceita realizar edições por preços mais baixos do que os tradicionalmente oferecidos no mercado, por certo período.

Com o tempo, seu trabalho deve se tornar melhor e mais ágil, e o seu olhar deve ficar mais crítico sobre seus próprios resultados, o que fará com que você se torne um editor cada vez melhor e possa crescer e se desenvolver na carreira.

Comentários
Assista ao vídeo
cture-in-picture" allowfullscreen>